COVID-19: Fundação Josué Montello adquire caixas térmicas para transporte de vacina no Maranhão

Atualizado: Jan 20


COVID-19: Fundação Josué Montello entrega caixas térmicas para transporte de vacina no Maranhão

“Para muitos são só caixas de isopor. Para nós é a possibilidade de levar vidas e esperança para nossa população”


A Fundação Josué Montello (FJMontello) viabilizou no último final de semana a compra de 220 caixas térmicas que serão utilizadas pelo Governo do Maranhão para o transporte das vacinas contra a Covid-19 até os municípios do interior do estado. A ação aconteceu por meio de projeto voltado à gestão do SUS, desenvolvido pela Secretaria Estadual da Saúde (SES) e que tem o apoio operacional da FJMontello.


As caixas térmicas com capacidade para 33 litros foram adquiridas pela própria Fundação visando a agilidade necessária ao processo de distribuição das vacinas e demais insumos referentes à imunização contra o novo coronavírus.


Para a conservação adequada as vacinas são armazenadas em câmaras frias necessárias para a sua conservação e as caixas térmicas são utilizadas em parte desse processo para o acondicionamento dos imunizantes na temperatura ideal.


Primeiro Lote

Na manhã dessa segunda-feira (18), o secretário de saúde do Maranhão, Carlos Lula, esteve em São Paulo, onde recebeu do Governo Federal o lote com as primeiras 164.240 mil doses da CoronaVAC, produzida pelo Instituto Butantan, que serão destinadas a grupos prioritários. Destas, cerca de 40 mil serão direcionadas a povos indígenas.


Autorização das Vacinas

Grande parte da população brasileira acompanhou ansiosa durante o último domingo a reunião da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) que emitiu parecer técnico e votou por unanimidade pela autorização emergencial para o uso de duas vacinas: a CoronaVAC (desenvolvida pela farmacêutica Sinovac em parceria com o Instituto Butantan) e da vacina de Oxford (Covishield - produzida pela farmacêutica Serum Institute of India, em parceria com a AstraZeneca/Universidade de Oxford/Fiocruz).


Mesmo orientando a continuidade dos estudos sobre as vacinas, a ANVISA julgou que os benefícios decorrentes de sua utilização são muito maiores do que qualquer efeito adverso apresentado pelos estudos até o momento.


Em reportagem publicada no site oficial do Governo do Estado, o secretário Carlos Lula, ressaltou a importância do momento: “É um dia histórico que vai nos permitir, enfim, vencer a pandemia”, disse Lula.


A programação é que as primeiras doses da vacina sejam transportadas e entregues de forma imediata às prefeituras no interior.


Apoio no Combate

A Fundação Josué Montello é uma instituição de apoio a projetos em diversas áreas. Não é a primeira vez nestes últimos meses que a mesma se integra diretamente na campanha contra a Covid-19.


Ainda no primeiro semestre de 2020, a FJMontello, em parceria com a Fundação Sousândrade e Universidade Federal do Maranhão, desenvolveu uma grandiosa ação para arrecadação de recursos e materiais para apoiar o Hospital Universitário do Maranhão (HU-UFMA) que sofria com a falta de equipamentos e insumos adequados ao atendimento aos pacientes do novo coronavírus e, também, para a proteção dos profissionais da área da saúde que atuam na linha de frente da assistência. Naquele momento, os índices da doença no estado alcançavam os números mais altos desde o começo da pandemia.


De acordo com a diretora-presidente da FJMontello, Maria de Jesus Jorge Torres, a Fundação, há 25 anos tem a missão de promover e apoiar iniciativas de grande relevância para a sociedade. “Hoje são inúmeras ações e projetos apoiados por meio de diversas parcerias, em diferentes áreas, mas que convergem sempre para o objetivo maior que é cuidar da vida das pessoas. Isso faz parte do nosso cotidiano”, ressalta. Para Jesus Torres, é comum que cheguem demandas urgentes, como por exemplo, essa específica para a compra das caixas térmicas. “Recebemos a demanda e em poucas horas os recipientes já estavam sendo entregues ao Governo do Estado”, destacou. “Para muitos, são só caixas de isopor. Para nós, é a possibilidade de levar vidas e esperança para nossa população”, ressaltou a gestora.


Em 2020, a Fundação também esteve presente no processo de vacinação contra o sarampo conduzido pela Prefeitura de São Luís e que foi realizado em 52 postos de saúde e 3 escolas da capital maranhense.


Números Covid-19

Com base em dados divulgados pelo Consórcio de veículos de imprensa a partir de dados das secretarias estaduais de saúde, hoje, o Brasil já ultrapasse o triste número de 210 mil mortes ocasionadas pela doença. No Maranhão, o número de mortos ultrapassou os 4.600 mil. Com a falta de terapias comprovadamente eficazes no combate à doença, as vacinas, juntamente com as medidas sanitárias orientadas, figuram até o momento como únicas formas de combate ao coronavírus.


Acesse o Plano Municipal de Vacinação elaborado pela Prefeitura Municipal

31 visualizações0 comentário